Projetos da ECT são apresentados em eventos internacionais

A Escola de Ciências e Tecnologia (ECT) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), teve dois trabalhos apresentados em eventos de robótica de porte internacional no último mês, que aconteceu em Curitiba, evidenciando assim a qualidade das produções acadêmicas desenvolvidas na Unidade.

The 8th Workshop of Robotics in Education (WRE) é um sub-evento do Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos (IEEE). O estudante de graduação William Ribeiro, junto com os professores Orivaldo Santana e Aquiles Burlamaqui trabalharam juntos num artigo sobre o projeto Um Robô por Aluno (URA), com o objetivo de mostrar o andamento das atividades e de trocar experiências com outros pesquisadores que já atuam na área para assim obter mais conhecimento e enriquecer o projeto.

IMG_20171110_174232363

Prof. Orivaldo Santa (à esquerda) e alguns dos membros da equipe

William conta que no artigo, além de falar sobre o URA, foi descrito como o robô é feito, o modo como é utilizado nas aulas para ensinar os estudantes que participam do projeto e sobre a participação na Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR), ocasião em que uma das equipes conseguiu conquistar um prêmio.

O robô em questão foi batizado de “Toninho”, é feito majoritariamente de peças recicladas e outras feitas pela impressora 3D. A placa de circuito utilizada é o Arduino Uno com shield (placas que podem conter sensores, por exemplo). Durante as aulas, os estudantes aprendem inicialmente sobre o funcionamento do Arduino, partindo para motores, sensores de ultrassom e refletância, que permite o robô detectar obstáculos, contorna-los e seguir linhas.

23472134_1486155318098479_7775653206842316466_n

William Ribeiro apresentando os resultados do trabalho no projeto URA

Sendo seu primeiro artigo escrito e a primeira participação num evento internacional, sobre isso, William Ribeiro comenta: “Consegui adquirir um conhecimento maior sobre várias áreas e posso agregar ao projeto”.

Participando da mesma equipe, mas em evento diferente, com projeto também distinto, o discente do Bacharelado em Ciências e Tecnologia (BCT), Marcus Paulo Dantas, participou do 14rd Latin American Robotics Symposium (LARS), que reuniu pesquisadores do Brasil e do mundo para apresentar trabalhos que se destacam no quesito inovação.

O artigo, resultado do trabalho que iniciou há um ano atrás, utiliza as equações do modelo de Kuramoto. Resolvendo esse modelo, eles aproximaram das equações diferenciais para a partir disso conseguir ondas que podem implementar em robôs com o objetivo de descrever seus movimentos. O trabalho levado para esse evento teve a modelagem de um robô de seis patas, representando o andar de uma aranha.

WhatsApp Image 2017-12-28 at 15.59.51

Marcus Paulo Dantas (à direita) durante o evento

Marcus Paulo Dantas conta que a experiência adquirida apresentando o trabalho no evento foi gratificante: “Foi uma oportunidade incrível porque fazemos contato com pessoas de diversas partes do Brasil e do mundo”.

Coordenado pelo professor Orivaldo Santana, Marcus afirma que o projeto continuará em desenvolvimento, com planos para expandir para robôs que representam movimentos de outros animas como cavalos, por exemplo.

IMG_20171111_123503664

 

*Imagens cedidas por William Ribeiro e Marcus Paulo Dantas

Deixe uma resposta